AMASE

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DE SERGIPE

Acesso Rápido
TJSE

Portal
TRIBUNAL DE JUSTIÇA

TJSE Intranet

Intranet
TRIBUNAL DE JUSTIÇA

TJSE Webmail

Webmail
TRIBUNAL DE JUSTIÇA

PODER JUDICIÁRIO

Portal
DIÁRIO DA JUSTIÇA

TRE-SE Intranet

Intranet
Tribunal Regional Eleitoral

AMB dá início ao VII Encontro Nacional Juízes Estaduais
ARACAJU/SE - 24 de Maio de 2019

IMG-20190523-WA0567.jpg

 

Reunidos em Foz do Iguaçu (PR), centenas de magistrados prestigiaram, nesta quinta-feira (23), a cerimônia de abertura do VII Encontro Nacional Juízes Estaduais (Enaje), que ocorre até o próximo dia 25. O evento trienal, tradicionalmente realizado pela AMB, conta, nesta edição, com a parceria da Associação dos Magistrados do Paraná (Amapar).

No início da cerimônia, os ritmos e as cores do grupo Marco das Três Fronteiras deram as boas-vindas aos participantes. Além da diretoria da AMB, o presidente Jayme de Oliveira recebeu autoridades nacionais e internacionais, ministros, juízes e desembargadores que devem somar aos debates propostos pelas comissões Científica e Cultural.

Conhecido como o maior evento da Magistratura estadual, o Encontro deste ano terá como tema central “A Magistratura na sociedade brasileira – entre o real e o ideal”, a ser abordado durante painéis e palestras de grandes nomes do Poder Judiciário, do Direito e da sociedade civil.

Ao declarar o evento oficialmente aberto, Jayme de Oliveira agradeceu a presença de todos e destacou a importância da iniciativa para o trabalho realizado pelo Judiciário. “Desejo que aproveitem e sintam-se acolhidos, porque as comissões muito dedicaram-se, nos últimos meses, para fazer com que todos chegassem aqui e fossem verdadeiramente recebidos e aproveitassem a programação acadêmica e cultural da melhor forma”, afirmou.

Ao lado do presidente da AMB, compuseram a mesa de abertura o presidente da Amapar e coordenador da Comissão Organizadora, Geraldo Dutra de Andrade Neto; o corregedor nacional de Justiça, ministro Humberto Martins; o presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR), Adalberto Jorge Xisto Pereira; o prefeito de Foz do Iguaçu, Francisco Brasileiro; e o coordenador da Justiça Estadual da AMB e da Comissão Científica do VII Enaje, Frederico Mendes Júnior.

Reconhecimento

Em seu discurso, Jayme de Oliveira ainda enalteceu a presença de quatro dos ex-presidentes da Associação: Regis Fernandes de Oliveira, João Ricardo Costa, Nelson Calandra e Rodrigo Collaço. Ele exaltou também a participação das presidentes e vice-presidentes de associações regionais. “Faço uma homenagem a essas 11 magistradas por sua luta associativa”, disse.

“Andei por todos os estados e posso dizer que temos grandes juízes, valorosos magistrados que amam este País. Um País que tem uma gente maravilhosa e uma Magistratura espetacular, e isso é motivo de grande orgulho. Esteja eu, ou não, no cargo de presidente, digo que a Magistratura brasileira muito me orgulha e orgulha qualquer país. Por isso, lutaremos contra todos os ataques para fazer o País crescer e honrar nossa toga. Este evento será uma demonstração disso”, concluiu.

Humberto Martins, por sua vez, desejou que “este Encontro seja marcado pela coragem para enfrentar os desafios que virão e, sobretudo, que todos façam valer o seu tempo; que todos nós nos dediquemos de corpo e alma à causa da Magistratura, que possamos travar o bom combate dos fortes e vitoriosos, que possamos dar a nossa contribuição e deixar a nossa marca na construção do País que todos nós queremos”.

A cerimônia de abertura contou, ainda, com a entrega de 16 medalhas do Mérito da Magistratura, uma honraria concedida pelo Conselho de Representantes da AMB àqueles que se destacaram por seus esforços constantes pela melhoria e valorização do Poder Judiciário e da Magistratura brasileira.

Na ocasião, também foram divulgados os nomes dos vencedores do 1º Prêmio Nacional de Literatura para Magistrados, que receberão a premiação no mês de setembro, em Brasília (DF), durante a comemoração dos 70 anos da AMB.

Ao final, o público assistiu a uma palestra do historiador e professor Leandro Karnal, que destacou os desafios da Magistratura no século XXI.

Depoimentos:

“É hora de avançar com equilíbrio, sabedoria e mantendo a unidade necessária para defender este País. O presidente da AMB continuará defendendo a Magistratura com a certeza de que todos vocês estão, também, cumprindo com suas missões. Seguimos firmes e fortes, porque o Brasil precisa caminhar”. Jayme de Oliveira  – presidente da AMB

“Expresso nossa alegria por escolherem o nosso município para a realização deste evento. Agradecemos a todos, ao presidente Jayme de Oliveira e ao doutor Geraldo Dutra, um iguaçuense que muito bem representa o Paraná. Desejo, em nome da cidade, que tenham um excelente evento e que sejam bem-vindos. Vocês se debruçarão em temas da mais alta relevância e sairão com esse sentimento de fortalecimento do Judiciário brasileiro. A democracia existe com um Judiciário protagonista”. Francisco Brasileiro – prefeito de Foz do Iguaçu

“Recebemos e saudamos os juízes que muito nos orgulham. Temos, na Magistratura Estadual, cerca de 80% do volume de trabalho do Judiciário brasileiro. A Magistratura Estadual sempre atuou com inquestionável eficiência e serve de grande exemplo para mim. Levam Justiça a todos que necessitam. Continuem firmes e fortes no desempenho de suas funções”. Adalberto Jorge Xisto – presidente do TJPR

“Os processos judiciais em meio físico estão dando lugar aos processos eletrônicos virtuais. A inteligência artificial está sendo gradualmente aplicada aos processos eletrônicos; o teletrabalho dos servidores já foi regulamentado pelo CNJ e já é uma realidade em diversos órgãos do Poder Judiciário. Mudanças radicais estão sendo vivenciadas em todas as áreas da sociedade, especialmente em decorrência das inovações tecnológicas. O Poder Judiciário não poderia passar incólume a essas transformações. Porém, a qualificação daqueles que trabalham para Justiça continua imprescindível”. Ministro Humberto Martins – corregedor nacional de Justiça

“Nos próximos dias magistrados estarão reunidos para discutir, conhecer e valorizarem a diversidade, que move a nossa carreira e que é um grande motor do avanço da sociedade. Trabalharemos temas de grande relevância relacionados ao presente e ao futuro do Judiciário”. Geraldo Dutra de Andrade Neto – presidente da Amapar

Veja a lista de autoridades que integraram o evento