AMASE

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DE SERGIPE

Acesso Rápido
TJSE

Portal
TRIBUNAL DE JUSTIÇA

TJSE Intranet

Intranet
TRIBUNAL DE JUSTIÇA

TJSE Webmail

Webmail
TRIBUNAL DE JUSTIÇA

PODER JUDICIÁRIO

Portal
DIÁRIO DA JUSTIÇA

TRE-SE Intranet

Intranet
Tribunal Regional Eleitoral

Empossada Mesa Diretora do TJSE para o biênio 2019-2021
ARACAJU/SE - 01 de Fevereiro de 2019

posse dr osório 1.JPG

Fotos: Bruno César/ Dircom


 
Manter o Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE) entre os melhores do país é um dos propósitos do Desembargador Osório de Araújo Ramos Filho frente à Presidência do Judiciário até fevereiro de 2021. A posse da nova Mesa Diretora – também composta pelo Desembargador Alberto Romeu Gouveia Leite, como Vice-Presidente; e a Desembargadora Elvira Maria de Almeida Silva, como Corregedora Geral de Justiça – aconteceu na tarde desta sexta-feira, 01/02, no auditório do Palácio da Justiça.
 
“É uma meta nossa continuar com o Selo Diamante através de alguns objetivos estratégicos, como o aperfeiçoamento nas áreas de gestão de pessoas, custos, justiça criminal e respeito à cidadania, promovendo cada vez mais a celeridade na aplicação da jurisdição”, disse o novo Presidente em entrevista à imprensa, antes do início da solenidade.
posse dr osório2.JPG

Ele também lembrou que é o segundo Desembargador a assumir por duas vezes a Presidência do TJSE. “É um fato histórico. Isso somente ocorreu com o Desembargador João Bosco de Andrade Lima, que foi Presidente entre 1960 e 1965”, comentou o Desembargador Osório, que havia assumido a Presidência do TJSE em junho de 2012, por conta da aposentadoria do Desembargador José Alves Neto, até janeiro de 2013, com a posse do Desembargador Cláudio Déda. “São coisas do destino, mas ser Presidente por duas vezes aumenta minha responsabilidade”.
 
Antes de empossar a nova Mesa Diretora, o Desembargador Cezário Siqueira Neto fez um balanço sobre sua administração e disse à imprensa que o pagamento dos precatórios foi uma grande marca da gestão. “Pagamos mais de R$ 199 milhões. Então, isso nos deixa alegres porque diminui a angústia dos credores, que sofriam há tantos anos. Saio com a sensação do dever cumprido. A equipe do Tribunal se dedicou muito. E o resultado é que somos o único Tribunal do país com o Selo Diamante e por dois anos consecutivos”, comemorou.
 
Após a leitura do juramento e assinatura do termo de compromisso de posse feito pelos novos componentes da Mesa Diretora, o Desembargador Osório iniciou seu discurso parabenizando a gestão anterior. Ele também disse que enfrentará a nova missão com “dedicação e amor”, sabendo que terá o apoio dos colegas da Mesa Diretora, dos demais Desembargadores e dos servidores do Poder Judiciário, “que formam uma família saudável e forte”.
 
Para o Desembargador Alberto Romeu, ser Vice-Presidente do TJSE é uma grata surpresa. “Jamais imaginei chegar a esse cargo. Eu já estava imensamente satisfeito em ter ingressado na magistratura do Estado de Sergipe. E agora fico mais satisfeito ainda de ter chegado até aqui. São coisas que a vida nos traz e temos que corresponder às expectativas, dando um retorno à sociedade”, comprometeu-se o Vice-Presidente.
 
Já a nova Corregedora, lembrou que pretende dar continuidade ao bom trabalho exercido pela gestora anterior, Desembargadora Iolanda Guimarães. “Temos várias metas a cumprir, inclusive estabelecidas pelo Conselho Nacional de Justiça. Meu principal objetivo é conseguirmos manter o Selo Diamante”, destacou a Desembargadora Elvira Maria.
 
O Governador de Sergipe, Belivaldo Chagas, prestigiou a solenidade e disse que os Desembargadores são muito competentes. “Espero que continuemos com a relação de respeito, harmonia e independência, mas, acima de tudo, pensando no melhor para Sergipe”. O Procurador-Geral de Justiça, Eduardo Barreto D’Ávila Fontes, disse que foi aluno do Desembargador Osório e que a parceria entre Tribunal e Ministério Público é essencial para a sociedade.
 
O Vice-Presidente da Associação dos Magistrados de Sergipe (Amase), Gustavo Plech, disse que, embora a gestão anterior do Desembargador Osório tenha sido curta, foi muito profícua. “Eu acredito na capacidade administrativa dele, que é uma pessoa voltada para os anseios da sociedade, com um espírito público aguçado”. Já a Presidente em exercício da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SE), Ana Lúcia Aguiar, disse que a expectativa da categoria é que o diálogo seja mantido, com respeito e participação efetiva dos advogados.
 
Fonte: Agência de Notícias do Tribunal de Justiça